Servidores da Educação de Navegantes entram em estado de greve

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Na noite desta terça-feira (16), os servidores públicos municipais da Educação de Navegantes decretaram estado de greve. A decisão foi tomada por unanimidade entre os servidores que participaram de Assembleia Geral promovida virtualmente pelo Sindifoz.

A categoria reivindica a imediata paralisação das aulas presenciais na rede municipal, mantendo-se apenas as atividades remotas, como ocorreu em todo o ano de 2020. Os servidores defendem que o retorno seguro às unidades escolares só ocorrerá quando os profissionais da Educação forem vacinados.