Servidores da Educação de Itajaí decretam greve das aulas presenciais

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Em Assembleia Geral realizada virtualmente na noite desta quarta-feira (10), os servidores da Educação de Itajaí decidiram que entrarão em greve a partir da próxima terça-feira (16).

De acordo com a nota divulgada, mais de 92% dos servidores votaram favoráveis a paralisação das atividades presenciais, mantendo as atividades apenas de forma remota, como foi durante todo o ano de 2020.

Na pauta da greve também está a vacinação da categoria, para que as aulas presenciais retornem apenas quando for seguro para a comunidade escolar.

O prefeito Volnei Morastoni (MDB) será notificado nesta quinta-feira (11), e não descarta da situação ser judicializada.