Saiu da UTI após 30 dias, policial baleado no assalto de Criciúma

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Imagem/Divulgação

Nesta segunda-feira (04), saiu da UTI (Unidade Tratamento Intensivo) após um mês, o policial militar Jeferson Luiz Esmeraldino de 32 anos, baleado no assalto milionário de Criciúma.  

O soldado segue hospitalizado, com respiração periodicamente controlada com o uso de um aparelho de ventilação. Não há necessidade de sedação. A Polícia Militar informou que, apesar da melhora, o agente ainda apresenta picos de febre e crises convulsivas.

O assalto em Criciúma foi considerado o maior da história do Estado. Na ocasião, uma unidade do Banco do Brasil foi alvo dos criminosos, que levaram aproximadamente R$ 80 milhões da agência.