Moradora de Piçarras que estava desaparecida foi assassinada

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

A Sra Débora Arruda de 56 anos moradora de Balneário Piçarras que estava desaparecida desde sexta-feira (6), infelizmente foi encontrada morta. O autor confessou em depoimento na delegacia de Polícia em Guaratuba-PR, que estrangulou a Sra. Débora até a morte.

De acordo com as informações divulgadas, M.D.M teria recebido uma carona e ingeriu bebidas alcoólicas e usou entorpecente, durante um momento no banco de trás do veículo, estrangulou a Sra. Débora até deixá-la inconsciente e assumir a direção do carro. O homem deslocou até um lugar de pouco movimento, tirou a vítima do veículo continuando a estrangular até a morte, e seguiu viagem sentido a cidade de Joinville com a Sra Débora no banco de trás.

O masculino deu carona ainda para duas pessoas desconhecidas e não lembrou o local de embarque e desembarque específico, somente disse as pessoas que Débora era sua esposa e tinha tomado remédios para dormir, uma maneira de disfarçar que a mulher estava morta.

Após o desembarque dos passageiros procurou a desfazer do corpo da vítima, as margens da BR-101 sentido Joinville não sabendo o local específico também, apenas que era próximo a entrada do bairro Vila Nova. O veículo de Débora foi encontrado na cidade de Guaratuba-PR, e a sua cachorrinha Duda foi acolhida por moradores da cidade que devolveram a família da vítima.

Diante da confissão os Policiais Militares deram voz de prisão ao homem e posteriormente o mesmo foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil para que fosse lavrado os autos; o criminoso está preso e responderá por homicídio qualificado com ocultação de cadáver.

Via: Marisco News