Materiais para construção civil também registraram aumento nos preços

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Imagem/Divulgação

Fora o aumento exorbitante de um dos alimentos básicos que compõem a refeição brasileira, outro produto que ganhou grande alta nos preços são os materiais de construção civil.

O auxílio emergencial e o trabalho em home office motivaram obras em casa e em escritórios. O que ninguém esperava era que o setor de materiais de construção aproveitasse essa fase de crise enfrentada pelo país para elevar preços de forma quase generalizada muito acima da inflação.

Uma pesquisa realizada, o cobre teve reajuste de 100% durante a pandemia, o aço outros 60%, o tijolo 40%, os produtos de PVC, mais de 40% e o cimento acima de 15%.

De acordo com informações apuradas, a alta nos preços mesmo com o setor ativo e sem saldo muito alto de desemprego em meio a pandemia,  foi devido a renegociação de dividas que clientes tiveram de fazer por conta de falta de renda para pagar suas contas.