Empresários da região protestam contra lockdown em Santa Catarina

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Na manhã desta quarta-feira (03), donos de Bares, Restaurantes e Lanchonetes realizaram um ato em frente ao Forúm de Itajaí contra o lockdown do Governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL).

Um outro ato contra um possível lockdown de 14 dias aconteceu em frente a Uniavan, em Balneário Camboriú. Houve um princípio de tumulto por conta da intenção de alguns em fechar a BR-101, por isso foi necessário a presença da Polícia Rodovia Federal no local.

O motivo dos atos foi por conta de novos rumores em que o governador Carlos Moisés estaria cogitando a possibilidade de aplicar um lockdown por um período de 14 dias.

Santa Catarina sofrerá um novo lockdown na sexta-feira (05), que se iniciará as 23h e vai até segunda (08), às 6h da manhã. Com isso os serviços não essenciais ficarão fechados, e somente os serviços essenciais poderiam funcionar.

Polícia Rodoviária Federal (PRF), foi acionada em protesto em Balneário Camboriú.