Segurança que matou cliente no supermercado Koch responderá em liberdade

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

O segurança do supermercado Koch, responsável de ter matado um cliente no supermercado em Camboriú na última quarta-feira (14), foi ouvido na tarde desta sexta-feira (16), na Polícia Civil da cidade. Guilherme Augusto da Silva Alcântara de 28 anos alegou que agiu em legítima defesa e foi liberado após o depoimento.

Uma testemunha do caso afirmou que a faca usada no crime não pertencia ao Jean Pierre de Oliveira (vítima) de 31 anos, mas sim ao segurança do supermercado. A testemunha afirma que Guilherme teria agredido Jean logo após ele ter feito compras no supermercado.

Jean Paul de Lima (testemunha) conta que o segurança foi até seu armário, pegou uma faca de dentro da sua mochila e desferiu um golpe de faca na vítima “ele caminhou ferido pelo corredor pedindo ajuda, morreu próximo ao caixa após agonizar” finalizou.

Inicialmente o delegado afirmou que o segurança irá responder em liberdade, porém, após ouvir as outras testemunhas do caso, irá analisar se pedirá a prisão preventiva de Guilherme.