Prefeito de Navegantes é notificado pelo MPSC por conta da omissão no combate a Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Na tarde desta sexta-feira (10), o Procurador-Geral de Justiça, Fernando da Silva Comin, e mais nove promotores de Justiça com atuação na cidades da Foz do Rio Itajaí-Açu expediram recomendação para o Governador Carlos Moises e para os Prefeitos das cidades de Navegantes, Itajaí, Balneário Camboriú, Penha, Camboriú, Bombinhas, Itapema, Balneário Piçarras e Porto Belo, solicitando imediatamente medidas de preservação da saúde e da vida da população local no avanço do novo coronavírus.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Dada a urgência e a gravidade da situação, o MPSC estipulou prazo de 2 dias para que o documento sejam respondido.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
A região entrou na terceira semana em situação gravíssima para a doença, sem que nenhuma medida eficaz tenha sida adotada para o enfrentamento da crise. No documento, o MPSC demonstra por gráfico a propagação da doença na região e a situação de alta ocupação de leitos de UTI que se arrasta ao longo das últimas semanas.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Entre as medidas recomendadas, está a ativação dos leitos de UTI e a identificação e suspensão de atividades que promovam aglomeração de pessoas e maiores riscos de adoecimento da população.