Prefeito corta pela metade o apoio aos atletas do esporte de Navegantes

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Uma nova polêmica está rodando na cidade de Navegantes. Segundo fontes, o prefeito Emílio Vieira decidiu reduzir o valor destinado ao “Bolsa Atleta” no município. As informações dão conta de que os atletas, que antes recebiam em torno de 1.200 reais mensais, irão receber a partir de agora um auxílio de R$ 465, menos da metade que recebiam em 2017 .

Essa situação está sendo muito criticada pelos atletas de alto rendimento do município, segundo eles esse valor irá prejudicar os atletas que levam o nome da cidade em vários campeonatos, “essa ajuda é essencial para manter o trabalho e trazer bons resultados para cidade”, afirmou um dos atletas.

Caiu

O valor orçado para esse ano no esporte de Navegantes é inferior se comparado com os valores dos anos anteriores. Segundo apurado pela equipe do Abre Olho Navegantes, esse ano o valor destinado para Bolsa Atleta está orçado em R$100.000,00 (Cem mil reais), enquanto que em 2018 o valor era de R$200 mil, e ainda em 2017 o valor era de R$260 mil reais.

Bolsas disponíveis

Para 2019 estão sendo destinadas 65 vagas que variam de acordo com a idade dos atletas. Se toda as vagas disponíveis forem preenchidas o valor gasto somente no ano de 2019 passará de 230 mil reais.

Resposta

Em contato com o superintendente do Esporte, Sr. Felício Costa, ele nos informou que o prefeito irá fazer um aditivo no programa e ninguém ficará sem receber. Questionados sobre as mudanças nos valores, o superintendente do esporte afirma que as mudanças nos valores foram divididas com maior igualdade entre os atletas, e quem ganhava em torno de 50 reais, passou a ganhar R$310,12. A atitude visa atender de forma justa o grande aumento de representantes do esporte navegantino.

Opinião

É notória a contribuição do esporte na luta para manter os adolescentes e jovens longe da influência das drogas, é importante que os administradores municipais estejam conscientizados dessa importância para que o município não perca seus jovens para as mazelas do mundo contemporâneo. Vale ressaltar a importância de se dar oportunidades para todos os atletas do município, e neste pensamento a prefeitura acerta, querendo maior equidade no investimento nos nossos atletas, a prefeitura peca porém, ao fazer essa equiparação por baixo, pensando em abaixar os investimentos dos atletas de alta performance, correndo o risco que os mesmos deixem o município atrás de melhores condições de trabalho, quando poderia pensar na possibilidade de melhorar as condições de atuação de todos os atletas. Vamos buscar igualdade sim, mas uma igualdade pautada na qualidade e no respeito, uma igualdade nivelada por cima, a igualdade que nossos incríveis e talentosos atletas merecem.