Juiz de Navegantes nega tentativa de censura de Lula ao empresário Luciano Hang

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

A ação dos advogados de Lula aonde pedia a proibição que Luciano Hang patrocinasse mensagens ofensivas ao petista pelas praias de Santa Catarina, foi negada pelo juiz Fernando Machado Barboni, da 2º vara civil de Navegantes.

A ação foi movida logo após Hang postar em suas redes sociais, o vídeo aonde uma aeronave sobrevoa o céu de Balneário Camboriú com a frase “Lula cachaceiro, devolve o meu dinheiro”.

Na decisão, dada em plantão judiciário, Barboni indica que Lula é uma pessoa pública e estaria sujeito a críticas por parte da população. Além disso o magistrado registra que posteriores excessos podem resultar em reparação por dano moral. “O que não se pode é realizar uma censura prévia, o que não é permitido pela Constituição da República Federativa do Brasil de 1988”, escreveu em despacho assinado pouco depois da 0h desta terça-feira.