Igrejas poderão ter lotação máxima em regiões que a pandemia estiver controlada

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Imagem/Divulgação

O governo do estado atualizou a portaria que estabelece regras para os templos religiosos, e a lotação do local irá de acordo com a situação de risco que a região se encontra.

Regiões com riscos gravíssimos poderão ter 30% de sua capacidade; regiões de risco grave é de 50%, de risco alto é de 70% e de risco moderado a lotação permitida é de 100%.

Mas sempre seguindo as regras de distanciamento de 1,5m, e sempre fornecendo álcool em gel para os fiéis.

Em Santa Catarina, a única região que pode ter 100% de capacidade é o extremo oeste, já no restante das regiões a capacidade de lotação fica em 50%.