Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Governo Lula quer acabar com o saque aniversário do FGTS

Na terça-feira (27), o ministro do Trabalho, Luiz Marinho, membro do Partido dos Trabalhadores (PT), surpreendeu ao anunciar sua intenção de encerrar o saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A proposta para abolir essa modalidade de retirada está prevista para ser apresentada no próximo mês de março. A notícia gerou uma onda de reclamações, pois muitos acreditam que o dinheiro do FGTS é do trabalhador, e ele tem o direito de utilizá-lo, principalmente considerando que esses saques frequentemente auxiliam no pagamento de despesas emergenciais.

A medida proposta pelo ministro levanta debates sobre a autonomia do trabalhador em relação ao seu fundo, visto por muitos como um recurso que pode ser crucial para lidar com situações imprevistas. As críticas argumentam que retirar essa opção limita a flexibilidade financeira dos trabalhadores, especialmente em momentos de dificuldade econômica e incertezas.