Em Navegantes, mãe sofre para retirar bebê sem vida da barriga

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Em Navegantes Janaina Andreza de Sousa, 30 anos, mãe de três crianças esperava a chegada do seu quarto filho, ao ir no hospital de Navegantes nesta quinta-feira (29), descobriu que  talvez o seu bebê estivesse sem vida, para garantir esse diagnostico ela foi orientada para ir até o hospital Marieta Konder Bornhausen em Itajaí, lá ela teve certeza da morte do seu bebê.

Apesar da gravidade, Janaina foi encaminhada para o hospital de Navegantes novamente, sem estrutura para fazer a cirurgia, a direção do hospital buscava uma vaga em algum hospital para que pudesse levar a mãe.

A vaga disponível apareceu em Timbó, por volta das 19h da noite ela foi transferida para o hospital há 79 km de distância de Navegantes. De acordo com os familiares, foi um momento de muita angústia e descaso, pois o hospital de Navegantes não tem estrutura e joga para o Marieta e lá não tem vaga e volta para Navegantes, “temia pela vida dela que já estava sofrendo com a morte do filho”, conta Eloíza.

Os familiares informaram ao portal Abre Olho Notícias que Janaína já está no quarto e passa bem.

Em contato com o secretário adjunto da saúde Aldo Marques Filho, ele alegou que o hospital de Navegantes faz atendimento de média complexidade, Aldo informa que está previsto para o primeiro trimestre de 2020 abertura de uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), para então assim iniciar o atendimento de Alta complexidade declarou. A direção do hospital não atendeu nossas ligações.