Deputada do PSL chama o governador Carlos Moisés de oportunista

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Os embates políticos no PSL não estão somente em Brasília, no Estado catarinense a situação está cada vez pior. Na última quarta-feira (23), a deputada Ana Caroline Campagnolo (PSL) usou a tribuna da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), para criticar o governador do seu partido Carlos Moisés.

Entre as palavras usadas pela deputada, uma delas foi chama-lo de “oportunista”. O clima chegou a esse ponto após o governador solicitar a expulsão de Ana Caroline Campagnolo e Jessé Lopes (deputados do PSL) por simplesmente não concordarem com sua intenção de sobretaxar os defensivos agrícolas.

Ana Campagnolo afirmou que existe a possibilidade do governador ir para MDB, assim saindo do partido na qual o elegeu. Entre as declarações polêmicas do governador, a mais recente foi chamar os apoiadores do Bolsonaro de imbecis.

Após a troca do líder do governo na Alesc, a intenção do grupo pró-Bolsonaro é trocar a presidência da estadual do partido, que hoje é comandada pelo Deputado Federal Fábio Schiochet que votou contra o filho do presidente.

Caso a família Bolsonaro tome conta do partido a nível nacional, mudanças drásticas irão acontecer em toda a sigla, sobrando até para as executivas municipais.