Cobrança ilegal na faixa de areia volta acontecer na praia Brava em Itajaí

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Nesta quinta-feira (26), menos de dois meses depois das denúncias do loteamento da areia na Praia Brava, bares e restaurantes voltaram a exigir consumação para uso de guarda-sol e espreguiçadeira. De acordo com as informações recebidas, os donos de bares e restaurantes logo pela manhã começam colocando as cadeira e os guarda-sóis privatizando uma área da faixa de areia,os valores cobrados variam entre 100 ou 150 reais.

Nesta sexta feira (27), será lançada a normativa com o que pode e o que não pode ser feito pelos donos de restaurantes, mas as imagens são claras, uma invasão a areia cerceando o direito e privando um local que é público.