Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Após prisão, Meio kilo reaparece na praia do Gravatá sem tornozeleira

Neste domingo (05), quem apareceu na praia do Gravatá, em Navegantes, foi o ex-secretário de obras Sebastião Alves da Silva, vulgo “Meio Kilo”, preso na operação Cidade Limpa, no dia 13 de novembro de 2019 em Navegantes.

Em conversa com alguns moradores, o ex-secretário teria dito que é inocente e colocou a culpa no ex-prefeito de Navegantes, ‘BOB CARLOS’, e ainda prometeu a construção do restante dos 230 metros do molhe do Gravatá.

Operação Cidade Limpa:

‘Meio Kilo’ passou cinco dias preso no Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí (Canhanduba), teve sua liberdade concedida com a imposição de medidas cautelares, entre elas a proibição de se aproximar de qualquer prédio público e o uso da tornozeleira eletrônica. Ele e outras 10 pessoas sendo uma delas o ex-prefeito de Navegantes, Roberto Carlos de Souza, foram indiciados pelos crimes de organização criminosa, fraude a licitações, lavagem de dinheiro e corrupção ativa e passiva.

Segundo o Ministério Público, o grupo criminoso é integrado também por agentes públicos que, mediante pagamento de propinas, garantiam que as empresas fossem pagas regularmente, permitiam a renovação dos contratos sem novos certames e facilitavam a inserção de serviços não realizados em listas de pagamentos, elevando os valores devidos pelo município.

Estima-se que o grupo fraudou aproximadamente R$16 milhões entre 2015 à 2020.