2022 é o ano com maior número de mortes da história em decorrência da dengue em SC

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
São mais de 5 mil casos - Foto: Divulgação

Em pouco mais de três meses, 2022 se tornou o ano com mais mortes por dengue da história de Santa Catarina. Foram oito óbitos, segundo a Secretaria de Estado da Saúde.

No estado catarinense, são mais de 5,4 mil casos de dengue registrados. O aumento foi de 190% em relação ao mesmo período do ano passado. No total 16 cidades catarinenses estão com registro de epidemia e outros 51 municípios com transmissão da doença.

Os 8 óbitos por dengue confirmados em 2022 residiam em: 

  • Criciúma (01 – importado)
  • Brusque (01)
  • Caibi (01)
  • Chapecó (02)
  • Itá (01)
  • Romelândia (01)
  • Xanxerê (01)

Os 9 casos em investigação: 

  • Ascurra (01)
  • Blumenau (01)
  • Chapecó (01)
  • Guaraciaba (01)
  • Joinville (01)
  • Maravilha (01)
  • Palmitos (01)
  • Seara (02)